Seu Dog

Coisas sobre medicina veterinária você não sabia

Saiba porque esta área da medicina é tão importante na vida do seu animal de estimação.
A medicina veterinária é uma profissão criada no Brasil em 1918 e está regulamentada há 81 anos. Hoje é uma das profissões mais importantes do Brasil e do mundo. Quem decide embarcar nesta carreira, deve saber que abrange um contexto muito amplo.

Para a maioria das pessoas, a medicina veterinária é vista apenas como o médico dos insetos. A clínica médica e cirúrgica de animais é apenas uma parte do que esses profissionais fazem hoje. Ele vai muito além da prevenção e cura de doenças de várias espécies animais, incluindo a produção e inspeção de alimentos, proteção à saúde animal, saúde pública, educação técnica e superior, pesquisa, extensão rural e preservação ambiental e ecológica.

Com o aumento do número de animais vivendo no meio da sociedade, esse campo de medicina precisava avançar consideravelmente. Para além de tratá-la dos animais, ela também começou a agir em conjunto com a medicina do homem. Hoje, a atividade de Medicina Veterinária conta com alta tecnologia e caminha passo a passo com o humano.

No campo da saúde pública, tanto em áreas urbanas como rurais, os veterinários orientam pesquisas que desempenham um papel fundamental no controle de doenças conhecidas como “zoonoses”, que são transmitidas de animais para humanos. Em países de grande atividade pecuária, como o Brasil, seus conhecimentos são especializados em nutrição animal, manejo de pastagens, administração, higiene pessoal e também rigorosa inspeção de produtos de origem animal.

O veterinário na sociedade
Com o aumento do número de animais vivendo no meio da sociedade, esse campo de medicina precisava avançar consideravelmente. Para além de tratá-la dos animais, ela também começou a agir em conjunto com a medicina do homem. Hoje, a atividade de Medicina Veterinária conta com alta tecnologia e caminha passo a passo com o humano.

No campo da saúde pública, tanto em áreas urbanas como rurais, os veterinários orientam pesquisas que desempenham um papel fundamental no controle de doenças conhecidas como “zoonoses”, que são transmitidas de animais para humanos. Em países de grande atividade pecuária, como o Brasil, seus conhecimentos são especializados em nutrição animal, manejo de pastagens, administração, higiene pessoal e também rigorosa inspeção de produtos de origem animal.

Com base em habilidades e conhecimentos específicos, a Organização Mundial da Saúde, em 1946, criou a Saúde Pública Veterinária, definindo novas áreas de atuação para a profissão, incluindo: controle de zoonoses, higiene alimentar e laboratorial, biologia e atividades experimentais.

Desta forma, o veterinário possui atualmente quatro áreas de especialização: a Clínica, que atua com cuidado, exames e pequenas cirurgias de animais de estimação; Ambiental, que estuda animais silvestres em seu habitat natural, identificando espécies, doenças e contribuindo para a preservação de animais; e o Controle e Tecnologia para Populações Animais, que estuda técnicas de desenvolvimento e tratamento de rebanhos.

A escolha de ter um animal de estimação inclui o acompanhamento de um veterinário, um profissional especializado para atender emergências e rotinas clínicas dos animais de estimação. Eles têm a responsabilidade de orientar e explicar a rotina diária de cada animal, atendendo às suas necessidades individuais e particulares, de acordo com raça, idade e espécie. Exames preventivos de rotina, vacinações e visitas regulares fazem parte da rotina do profissional. O animal servido por ele ainda tem um registro de controle.

A escolha de ter um animal de estimação inclui o acompanhamento de um veterinário, um profissional especializado para atender emergências e rotinas clínicas dos animais de estimação. Eles têm a responsabilidade de orientar e explicar a rotina diária de cada animal, atendendo às suas necessidades individuais e particulares, de acordo com raça, idade e espécie. Exames preventivos de rotina, vacinações e visitas regulares fazem parte da rotina do profissional. O animal servido por ele ainda tem um registro de controle.

A medicina veterinária é a melhor fonte de informação sobre a saúde do seu animal de estimação, por isso é importante seguir as suas recomendações para garantir o início de uma vida longa e saudável. E não se esqueça, esse profissional também cuida da sua saúde.

 

FONTE: QUE CURSO

Deixe um comentário